Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aenean commodo ligula eget.

242 Wythe Ave #4, Brooklyn, NY 11249
1-090-1197-9528
office@ourbusiness.com

ASQ

Tecnologia leva mais saúde para empresas

Como a tecnologia facilita o acesso à saúde nas empresas? 

Novas tecnologias trazem benefícios e mudam para melhor a forma como conduzimos  o cotidiano das empresas. Diversas áreas beneficiam-se de inovações tecnológicas para prover mais acesso, praticidade e soluções  para as pessoas. E quando se trata de  saúde nas empresas, isso não seria diferente. Já existem oportunidades para organizações que querem usar a tecnologia para oferecer mais oportunidades de cuidados de saúde para seus colaboradores.

Fazendo uma analogia com nossas experiências, você se recorda  quando as filas de banco faziam parte da sua rotina? Agora tudo pode ser resolvido a partir de um aplicativo ou de um computador. O mesmo vale para as horas no trânsito ou em salas de espera. Hoje a medicina já tem meios eficientes e seguros para monitorar, orientar e apoiar no engajamento  as pessoas, por meio de atendimentos virtuais. 

O uso da tecnologia é  muito benéfico no setor de saúde e por trabalhar com dados sensíveis, exige ética e cuidado com os dados. Toda a cadeia produtiva se beneficia: as instituições de saúde, as  operadoras de plano de saúde, os profissionais de saúde e as pessoas que precisam de cuidados. Há maior celeridade nas tratativas, evita-se o desperdício, integra informações, otimiza o tempo e torna o acesso seguro e tempestivo.

O mercado corporativo e a saúde ocupacional também têm, cada vez mais, utilizado novas tecnologias para ganhar em escala, melhorar a igualdade de atendimento (mesmo serviço atende pessoas de plantas distantes), qualificar os serviços prestados, integrar a saúde ocupacional com os cuidados assistenciais, gerando qualidade, percepção de valor por parte dos colaboradores e redução dos custos assistenciais.

Telemedicina como ferramenta

A discussão sobre telemedicina no Brasil não é recente. O que já despontava com tendência promissora no Brasil, com a pandemia e a necessidade de distanciamento social, ganhou ainda mais escala. Desde o primeiro semestre de 2020 a prática está autorizada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e regulamentada pela Lei 13.989/2020 para uso emergencial. Mas tudo indica que a prática deve ter continuidade mesmo depois da  pandemia.

Isso acontece, pois a telemedicina ajuda a dar conta de diversos desafios que nosso sistema de saúde enfrenta. É necessário levar em conta que somos o 5º maior país em abrangência territorial e temos baixa concentração de médicos fora dos grandes centros. Por isso, pode-se dizer que a telemedicina é uma ferramenta para dar acesso a cuidados em saúde àqueles que mais precisam. 

Além disso, mesmo nos grandes centros podem haver barreiras para o acesso à saúde. Seja por distâncias físicas, trânsito e limitações de horário, muitas vezes as pessoas adiam procurar ajuda profissional. Assim, podem vir a procurar ajuda quando um problema de saúde já está agravado ou crônico, o que resulta em menos qualidade de vida e tratamentos mais complexos e mais custosos para os sistemas de saúde. 

Isso vale especialmente para as pessoas que trabalham. Por isso, é tão importante que as empresas também busquem alternativas para viabilizar o acesso dos colaboradores à saúde e a criação de uma cultura voltada para o cuidado. 

Vantagens da tecnologia aplicada à saúde para empresas

A tecnologia pode ajudar as empresas a reduzirem custos com a saúde. Mas vai muito além disso. Com as informações na nuvem, fica muito mais fácil pesquisar e consultar os históricos de saúde. O uso de papel é reduzido, com mais sustentabilidade e menos risco de extravios e perdas de documentos. Assim, o envio e a checagem das informações é mais ágil e segura. 

A comodidade também é um ponto importante. O colaborador pode ser atendido de qualquer lugar e a qualquer hora, com requisições e resultados de exames sendo enviados digitalmente com segurança de dados, o que torna o processo muito mais flexível e prático.

Em tempos de distanciamento social, o uso da tecnologia para acessar serviços de forma geral (incluindo os de saúde) têm sido fundamental para que as pessoas ganhem tempo no seu dia a dia e evitem se expor ao novo coronavírus. Por isso, os serviços virtuais de saúde são uma solução fundamental para as empresas neste período.

Atenção Primária à Saúde como solução

A Atenção Primária à Saúde (APS) é uma alternativa para tornar o cuidado em saúde mais acessível para pessoas que trabalham. Os serviços de saúde muitas vezes estão pulverizados em lugares diferentes. Por exemplo: a primeira consulta é realizada em uma clínica, o exame precisa ser feito em um laboratório em outro bairro e o especialista está em outro ainda. Com a mobilidade urbana complexa, este vai e vem toma um tempo que poderia ser facilmente evitado e que pode ser um fator para o absenteísmo.

Entre os principais objetivos da APS está justamente o de facilitar o acesso aos cuidados de qualidade, torna-o também mais prático. Na APS há a possibilidade de acessar uma equipe multiprofissional, fazer exames e tratamento em um só lugar. em uma mesma visita ao serviço.

Isso acontece, pois com a APS, a equipe que realiza o cuidado tem acesso a todo o histórico de saúde da pessoa, podendo intervir sempre que necessário. Inclusive nos casos onde é preciso fazer encaminhamentos para outros especialistas. Assim, a qualidade assistencial é melhoar e a sinistralidade é reduzida, o que se traduz em custos menores para operadoras de planos de saúde e também para as empresas.

A APS ajuda a estabelecer uma relação de confiança entre a equipe e o paciente. No contexto da pandemia, isso é particularmente importante para apoiar as pessoas a seguirem recomendações médicas embasadas e não receitas divulgadas em redes sociais, o que pode gerar graves riscos à saúde das pessoas. 

Com acesso facilitado, os pacientes podem tirar dúvidas sempre que necessário. A informação contribui para o bem-estar do beneficiário e para o plano, uma vez que as chances de interação medicamentosa ou uso indevido de remédios acaba reduzindo e com ela os riscos de complicações também.

APS Virtual já é realidade

Pensando em unir as vantagens da tecnologia com os benefícios da APS, a AsQ lançou o serviço de APS Virtual. A integralidade, a coordenação do cuidado, o acesso e a longitudinalidade também podem ser operados à distância, garantindo capilaridade e qualidade de cuidado, independente de onde as pessoas estejam. 

Mesmo com a mediação da tecnologia, o compromisso com a excelência no cuidado em saúde e os resultados se mantém. Com a APS Virtual é possível antecipar cuidados, preservando a saúde e evitando agravos. O cuidado certo chega no tempo certo a qualquer lugar. Com o apoio de um concierge em saúde, conseguimos construir e gerenciar o perfil de saúde.

Fale conosco para levar mais saúde com tecnologia para sua empresa

Post a Comment